UFC

Banda puxa “Fora Temer” corre o risco de ser banida do carnaval baiano

De acordo com o prefeito ACM Neto vai ter Baiana no próximo Carnaval

Banda puxa "Fora Temer" corre o risco de ser banida do carnaval baiano

O vocalista Russo Passapusso, do BayanaSystem

A banda BaianaSystem, comandada por Russo Passapusso vem puxando gritos de “Fora Temer” desde o pré-carnaval em Salvador. A situação se repetiu no Campo Grande, o principal circuito da festa e a manifestação política gerou muita polêmica.

O presidente do Conselho Municipal do Carnaval (Comcar), Pedro Costa, disse que após o carnaval será feita uma avaliação para definir se o grupo se apresentará no Carnaval 2018. “Já recebi notificações por causa das manifestações da banda e vamos aplicar o Código de Ética. Não é permitida manifestação política. Foi contra, mas poderia ser a favor. Quer fazer manifestação? Saia na Mudança do Garcia”, disse.

Mas os fãs de BaianaSystem já podem ficar tranquilos porque de acordo com o prefeito ACM Neto (DEM) vai ter Baiana, sim, no próximo Carnaval. “Da minha parte, isso não existe, porque nós entendemos que todas as pessoas têm o livre direito de se manifestar, seja um artista ou um cidadão, e a gente não vai retaliar. Pelo menos, eu não. Da minha parte eu descarto essa possibilidade”, disse o prefeito durante visita à sede do Ilê Ayiê, no bairro do Curuzu, na noite desse sábado (25).

Nas redes sociais, os fãs continuam preocupados, mas apoiam o grupo pela manifestação.

A banda, que se tornou um movimento envolvendo milhares de seguidores fiéis, energizou os foliões que lotaram o Largo do Pelourinho na noite de sábado (25) ao som da guitarra baiana dialogando com os graves do sound system jamaicano.

Veja trecho da apresentação da BaianaSystem

 

por Monalisa Leal | Tribuna da Bahia

 

 

 

Veja também