PF realiza operação contra grupo suspeito de fraudar auxílio emergencial

Investigação aponta que ao menos R$ 6 milhões em benefícios foram desviados pela organização criminosa

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta terça-feira (12), no Rio de Janeiro, uma operação para combater fraudes no auxílio emergencial. A PF estima que ao menos R$ 6 milhões em benefícios foram desviados para a organização criminosa.

Durante a Operação Contágios, os agentes cumpriram um mandado de busca e apreensão expedido pela 6ª Vara Federal Criminal, além do cumprimento da determinação judicial de sequestro dos bens dos investigados.

A ação é fruto de trabalho conjunto da PF, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, Caixa, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União, através da Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE).

EU VÍI A EDUCAÇÃO GANHAR UM INVESTIMENTO RECORDE