Manuwa condiciona nova luta com ‘Marreta’ a vitória do brasileiro no UFC São Paulo

Jimi Manuwa foi a última baixa das inúmeras que o card do UFC São Paulo sofreu. O inglês faria o combate principal da noite deste sábado (22) contra Thiago ‘Marreta’. No entanto, na fase final de sua preparação, já no Brasil, o peso meio-pesado (93 kg) lesionou a parte posterior da coxa e foi obrigado a deixar o evento. Mas o duelo entre os dois atletas pode vir a acontecer em breve.

Isso porque, em entrevista ao site ‘MMA Fighting’, Manuwa não descartou a possibilidade de enfrentar Thiago no futuro. Para isso acontecer, de acordo com o atleta, uma vitória do brasileiro no próximo sábado (22) é imprescindível. Essa declaração vai ao encontro de um post nas redes sociais de ‘Marreta’, no qual o brasileiro afirmou que o confronto entre os dois estava adiado, e não cancelado.

“Com certeza, eu treinei para enfrentar ele . Quando me ofereceram a luta, eu não estava tão interessado, porque foi de certa forma uma substituição em cima da hora, e ele estava vindo dos pesos-médios (84 kg), e eu sou o número 5 dos meio-pesados (93 kg). Sempre quero enfrentar lutadores que estão acima de mim, para me aproximar sempre de ser o número um. Mas agora, uma luta no futuro, se ele tiver sucesso nesse fim de semana, é definitivamente uma opção”, revelou Manuwa.

Sem previsão de retorno aos octógonos, Jimi admitiu que vai seguir à risca os processos de recuperação estabelecidos pelos médicos. De acordo com o meio-pesado, o prazo para ele retomar aos treinos é de cerca de seis semanas. Em sua carreira como profissional de MMA, Manuwa soma 17 triunfos e quatro derrotas.

 

Fonte: Combate
JIU JITSU FERNANDO MEIRA