UFC

Homem é condenado a pagar R$ 20 mil por ofensa no WhatsApp

Paulistano terá de pagar indenização a uma advogada após xingá-la no aplicativo de mensagens.

É melhor ter cuidado antes de liberar sua fúria contra alguém no WhatsApp. Um paulistano foi condenado a pagar R$ 20 mil de indenização a uma advogada após xingá-la no aplicativo de mensagens. O caso aconteceu no último mês de julho, quando os dois participavam de um grupo em que foram publicados piadas machistas. As informações são da Folha de São Paulo.

Ao reclamar das publicações, a advogada foi insultada. O réu teria ainda procurado fotos dela e postado no grupo com ofensas. A coluna da jornalista Mônica Bergamo diz que o homem recebeu a chance de se retratar e pedir desculpas, porém, se recusou. O juiz do caso considerou a conduta do acusado como repugnante e totalitária.

 

Veja também