Anderson Silva recebe gancho médico de 180 dias após UFC Rio

Spider tem suspeita de lesão e pode ficar até seis meses sem lutar.

Anderson Silva recebeu forte chute de Jared Cannonier e sentiu dor no joelho (Foto: Mauro Pimentel/AFP)

Anderson Silva puxou a fila dos lutadores que receberam a maior suspensão médica após o UFC 237, no Rio de Janeiro. Derrotad por Jared Cannonier por nocaute técnico, depois de forte chute na coxa que refletiu no joelho direito, o Spider, que sentiu muita dor e ficou um bom tempo caído no octógono, levou gancho de seis meses. Para voltar antes, ele terá que passar por exame de imagem para descartar gravidade no local. 

Anderson Silva, a princípio, ficará ausente por 180 dias e terá que ser avaliado por ortopedista com exame de ressonância magnética. Se não for um problema mais sério, o Spider poderá voltar em 45 dias, após 30 dias sem qualquer tipo de contato físico. 

Além do ex-campeão peso médio, três atletas que lutaram no Rio de Janeiro receberam suspensão médica de seis meses. Bethe Correia, finalizada por Irene Aldana, Laureano Staparoli, que bateu Thiago Pitbull Alves, e Rose Namajunas, que perdeu o cinturão peso palha na luta principal da noite, ao ser nocauteada por Jessica Bate-Estaca Andrade no segundo round. 

O Spider deixou o octógono com dificuldade e passará por exame de imagem (Foto: Mauro Pimentel/AFP)
EDUARDO 'SNIPER' ROBSON