Valores de 20 remédios do Farmácia Popular serão reajustados; população não será afetada

Objetivo é reduzir distorções de preço entre o cobrado normalmente e o que o governo paga.

Os valores de 20 medicamentos oferecidos pelo Farmácia Popular serão reajustados para o ressarcimento nas drogarias, a partir da segunda-feira (30), informa o Ministério da Saúde. A população não será afetada pelas mudanças e poderá continuar a retirar gratuitamente em mais de 31 mil farmácias que trabalham com o programa.

O objetivo é reduzir distorções de preço entre o cobrado normalmente e o que o Governo do Brasil paga — em alguns casos, os produtos pagos pelo governo custavam mais de 200% acima do valor padrão. Há ainda alguns casos em que o governo pagava valores defasados em relação ao mercado, o que também será corrigido a partir da próxima semana.

Para garantir que os pacientes que tratam hipertensão, diabetes e asma não fiquem sem medicação, a pasta está realizando a compra centralizada dos remédios, que serão entregues aos municípios caso farmácias desistam do programa. Os cidadãos podem denunciar irregularidades pelo telefone 136.

JIU JITSU FERNANDO MEIRA