UFC volta ao formato antigo de pesagem após atletas ficarem acima do peso

Após dificuldades na perda de peso dos atletas promissores do UFC, Darrent Till e Mackenzie Dern, o Ultimate optou por realizar apenas uma pesagem noturna.

Depois de alguns atletas não conseguirem perder peso para a pesagem da manhã, o UFC vai realizar mudanças e retornar ao formato antigo. O anúncio foi feito em entrevista ao programa ‘UFC Unfiltered’ pelo presidente do UFC, Dana White. Ele afirmou que a medida está sendo tomada para diminuir o número atletas que não conseguem alcançar o peso.

“Sim, acho que é por isso [que tantos lutadores têm ficado acima do peso]. E, quer saber? Vamos nos livrar disso. Estamos analisando voltar a nossa pesagem ao jeito que era antes. Quando os caras pesarem para a luta, é aquilo. Vai ser a pesagem real”, explicou Dana.

Em menos de um mês dois lutadores em ascensão na organização ficaram acima do peso de suas categorias. A primeira foi Mackenzie Dern que ficou 3,2 kg acima do limite da categoria peso palha (até 52kg) durante o UFC Rio. Durante o UFC Liverpool o segundo atleta ficou frustrado ao subir na balança, Darren Till pesou 78,6 kg na categoria meio médio (até 77kg). Além dos dois lutadores, no UFC 221, Kevin Lee e Yoel Romero excederam o limite de peso da categoria e venceram seus oponentes.

Hoje, a pesagem transmitida pela TV é realizada apenas para que os lutadores façam as encaradas.

“Acho que quando começamos a fazer as pesagens matinais, funcionou bem. Todo mundo estava batendo o peso. Tudo estava ótimo. Mas aí as pessoas passaram a cortar peso cada vez mais perto, mais perto, mais perto…. Pensando em ganhar mais peso, porque teriam mais tempo para se recuperar. E a realidade é que isso f**** tudo. Então estamos tentando voltar a fazer a pesagem real de uma vez”, explicou o presidente do UFC.

 

Marcadores: Dana White, Darren Till, Kevin Lee, Mackenzie Dern, pesagem, UFC 221, UFC Liverpool, UFC Rio, Yoel Romero
JIU JITSU FERNANDO MEIRA