UFC Glendale: Alex Cowboy finaliza ex-campeão; Poirier vence ‘luta do ano’ Gaethje

Cowboy finalizou Carlos Condit no segundo round e fica perto do ranking; Dustin Poirier vence guerra contra Justin Gaethje e pede chance por cinturão.

Cowboy (foto) derrotou Condit. (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)

A expectativa para as principais lutas do UFC Glendale era grande e os protagonistas do show realizado no deserto do Arizona (EUA), neste sábado (14), não decepcionaram. No duelo co-principal, o brasileiro Alex Cowboy travou uma verdadeira guerra contra o ex-campeão interino dos meio-médios Carlos Condit. Após várias alternâncias no domínio da disputa, o atleta de Três Rios, interior do Rio de Janeiro, finalizou o norte-americano com uma bela guilhotina no segundo assalto.

Na luta principal da noite, os pesos leves Dustin Poirier e Justin Gaethje travaram a melhor luta do ano até aqui. No duelo que pode ter definido o próximo desafiante ao cinturão de Khabib Nurmagomedov, Poirier levou a melhor, nocauteou o rival e pediu a chance pelo título.

Alex Cowboy foi chamado as pressas para substituir o lesionado Matt Brown e encerar o ex-campeão Carlos Condit no UFC Glendale. E, mesmo sem tempo de preparação, o brasileiro superou as expectativas e travou uma verdadeira guerra no  octógono.

No início da luta, Cowboy não se intimidou com o histórico do adversário e mostrou boa movimentação na luta em pé. O brasileiro disparava mais golpes, enquanto Condit, plantado, esperava o melhor momento para atacar. Confiante em seu jogo, Alex atacou as pernas do rival e levou a disputa para o solo. Porém, ele cedeu espaço e Condit rapidamente inverteu a posição. Por cima, o ex-campeão mostrou toda sua habilidade e ganhava posições com paciência. Ele chegou as costas e esteve perto de finalizar com um mata-leão, mas o fluminense defendeu bem as três investidas até o gongo soar.

JIU JITSU FERNANDO MEIRA