GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

Secretário da Educação projeta um retorno gradual às escolas na rede estadual

‘É importante que os pais, mães e responsáveis possam ir as escolar para ver o nível de segurança’, afirmou Jerônimo Rodrigues

Foto: Fernando Vivas/Gov-BA

Um retorno as aulas presenciais com baixa presença de estudantes foi avaliado como normal pelo secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues. Em entrevista, o gestor afirmou que vai reforçar o chamamento de pais e mães de alunos e mas comunidades e projetou uma retomada gradual. “Estamos confiantes de que, aos poucos, nós fortaleceremos esse movimento de retorno as atividades presenciais”. Interrompido com o surgimento da pandemia, em março de 2020, o ensino presencial voltou nesta segunda-feira (26) na rede estadual. Desta vez, será adotado oo formato híbrido, com um dia letivo em sala e o seguinte com aulas remotas.

“É importante que os pais, mães e responsáveis possam ir as escolar para ver o nível de segurança”, completou Rodrigues. O secretário relatou que os indicadores da Covid-19 atuais garantem a volta as aulas e que “Todo cuidado e todo zelo nós continuamos fazendo”, disse Rodrigues, que também prometeu reforçar a alimentação escolar. Um grupo de 120 mil alunos só começam no formato semipresencial em 9 de agosto.

Antes da volta as aulas, a secretaria distribuiu 2 milhões de máscaras às escolas e novo lote ainda será distribuído. O secretário assegurou que vai continuar em diálogo com a APLB para demonstrar a importância da volta às aulas. Também dialoga com a União dos Municípios da Bahia (UPB) e a União dos Dirigentes Municipais de Educação para garantir o transporte escolar aos alunos.

Programa Estado Solidário