UFC

Rui Lança programa Escolas Culturais em Teixeira de Freitas

Maculelê, capoeira, dança, música, artes plásticas. A comunidade escolar da região de Teixeira de Freitas, no extremo-sul da Bahia, agora conta com o projeto Escolas Culturais, lançado pelo governador Rui Costa no Centro Territorial de Educação Profissional (Cetep), nesta sexta-feira (17). A iniciativa já está em andamento em Itabuna, Juazeiro, Gandu, Bom Jesus da Lapa, Itaberaba, Feira de Sananta e agora está sediada também em Teixeira de Freitas. Nesta primeira etapa de implantação, 85 escolas que já têm vocação para as atividades culturais estão se tornando pólos de cultura e vão atender não apenas a comunidade escolar, mas estarão abertas para a população.

A música “O que é o que é”, de Gonzaguinha, na voz da pequena Maísa, de 6 anos, acompanhada pelos jovens músicos da Orquestra Neojibá, encantou a plateia. Com o governador Rui Costa não foi diferente. “Quero começar saudando essa flor, que é a Maísa, de 6 anos, e segurar para não chorar mais aqui. Maísa demonstrou a capacidade dessa meninada, tão jovem, de expor sua arte, expor sua alma. A Bahia é singular, não tem outro estado brasileiro onde a cultura pulse tão forte. É por isso que precisamos abrir estes espaços. Este é o início de um grande trabalho, de um grande projeto”.

Rui afirmou que a ideia é construir um espaço de cultura aberto para a sociedade, não apenas para os estudantes. “Desde o dia em que eu assumi, decidi que em toda viagem eu visitaria uma escola, porque educação é prioridade e eu preciso, para tomar decisões, conhecer os lugares onde a educação acontece. E a educação acontece dentro da escola. Eu já visitei mais de 250 escolas nesses dois anos e dez meses e tive a oportunidade de aprender quantas coisas estavam sendo feitas, em relação à cultura. A maioria dos 417 municípios baianos não tem uma sala de cinema. Eu vi escolas onde os diretores transformaram os auditórios em uma sala de cinema aberta para a cidade. A partir daí, criamos esse conceito de escolas culturais, que estamos materializando inicialmente, em 85 escolas”, afirmou o governador

 

Veja também