Quase 4 mil servidores do Estado ficam sem salários por falta de recadastramento

Funcionários que regularizarem os cadastros receberão os salários em folha complementar.

Mais de 3,7 mil servidores ativos do Estado foram retirados da folha de pagamento de outubro porque foram convocados e não realizaram o recadastramento 2017, para atualizar os dados cadastrais. Ao todo, o Estado convocou 150 mil servidores da ativa.

A Secretaria de Administração do Estado (Saeb) informou que os funcionários públicos que regularizarem seus cadastros, entregando os formulários preenchidos até o dia 6 de novembro, receberão os salários em folha complementar na segunda quinzena de novembro.

A relação completa dos servidores que foram retirados da folha de pagamento do mês de outubro pode ser conferida abaixo. O recadastramento é uma exigência legal e tem objetivo de validar os locais e jornada de trabalho dos servidores ativos do poder executivo do Estado, além de atualizar informações cadastrais dos servidores, a fim de operacionalizar o sistema de recursos humanos.

Fonte: Correio da Bahia