GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

‘PSDB deve ter candidato, mas não descarto apoio a Lula no segundo turno’, diz FHC

Ex-presidente tucano afirmou que, caso o candidato do partido não avance ao segundo truno, ele apoiará qualquer outro contra Bolsonaro

Após um misto de críticas e elogios nas redes sociais depois de seu encontro com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o também ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou nesta sexta-feira (21) que seu partido deverá ter um nome para a disputa das eielições presidenciais de 2022, mas caso o nome escolhido não vá ao segundo turno, ele apoiará qualquer outro que se opor ao presidente Jair Bolsonaro, inclusive o petista.

“Reafirmo, para evitar más interpretações: PSDB deve lançar candidato e o apoiarei; se não o levarmos ao segundo turno, neste caso não apoiarei o atual mandante, mas quem a ele se oponha, mesmo o Lula”, escreveu o ex-presidente tucano em seu perfil no Twitter.

Os dois ex-presidentes se reuniram há alguns dias no apartamento do ex-ministro do STF e ex-ministro da Justiça e da Defesa, Nelson Jobim. A informação foi divulgada pela colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo.