GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

PM encerra ‘18 aglomerações e festas privadas’ no Réveillon

Em Trancoso (Porto Seguro), policiais encontraram 700 pessoas em apenas dois eventos; flagrantes aconteceram ainda em Salvador e região metropolitana

A Polícia Militar da Bahia encerrou, na madrugada desta sexta-feira (1), 18 aglomerações e festas privadas de Réveillon, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP). Os flagrantes aconteceram na capital, na Região Megropolitana de Salvador (RMS) e também no interior da Bahia.

Em Trancoso, distrito de Porto Seguro onde já haviam sido finalizados outros eventos em casas de luxo, os policiais militares flagraram novos encontros também dentro de condomínios de alto padrão. Em dois flagrantes, as guarnições encontraram 700 pessoas. Em um dos imóveis, equipamentos profissionais de som foram apreendidos.

Na mesma região, em Arraial D’Ajuda, equipes do 8° BPM finalizaram mais quatro reuniões que desobedeciam ao decreto estadual que proíbe festas com aglomerações. Três foram em via pública e uma, na área de um imóvel, com cerca de 100 pessoas.

Fechando o balanço do interior, a PM encerrou festas nas cidades de Barreiras, Ipirá e Irecê.

RMS e Capital

Na Região Metropolitana de Salvador (RMS), além da festa irregular flagrada durante operação que prendeu quatro assaltantes de banco, na cidade de Lauro de Freitas, outro encontro foi finalizado, em Camaçari.

Na localidade de Monte Gordo, cerca de 100 pessoas, sem máscaras, festejavam em uma chácara. Guarnições da 59a CIPM (Vila de Abrantes) dispersaram os participantes e encontraram no local uma arma de brinquedo e porções de drogas.

Em Salvador, aglomerações foram flagradas nos bairros Sussuarana, Arenoso, Castelo Branco, Stella Maris, São Marcos e Pau da Lima.

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia