Palmeiras vence Flamengo e é campeão da Libertadores pela segunda vez consecutiva

Abel Ferreira grava lugar na história do alviverde ao cravar lugar para equipe entre brasileiros tricampeões da competição

Deyverson (Foto: Ernesto Ryan/Getty Images)

Palmeiras sagrou-se tricampeão da Libertadores neste sábado (27), ao bater o Flamengo na final de jogo único, em Montevidéu, no Uruguai. O gol decisivo para a vitória por 2 a 1 foi de Deyverson, no início da prorrogação.

O alviverde saiu na frente com gol marcado por Raphael Veiga, que concluiu após linda jogada de Gustavo Gómez e Mayke para o fundo do gol. Na pressão, o Flamengo chegou a empatar, com gol de Gabigol na ofensiva do segundo tempo, levando para a prorrogação.

A vitória do Palmeiras teve tons dramáticos. O clube precisou substituir três jogadores por problemas físicos, os volantes Danilo e Zé Rafael e o atacante Raphael Veiga, e conseguiu a conquista justamente com um dos substitutos, Deyverson.

Como a final de 2020 foi decidida em 2021, em razão da pandemia, o Palmeiras conquistou seu segundo título consecutivo e no mesmo ano, o que coloca o técnico português Abel Ferreira definitivamente na história do clube. Capa da GQ Brasil em abril, Abel comparou a emoção do título conquistado com a vitória sobre o Santos em 30 de janeiro com a de ser pai.

Agora, os olhos do Palmeiras se voltam para o Mundial de Clubes, que será disputado em fevereiro de 2022 nos Emirados Árabes Unidos. O principal desafio para a conquista é o Chelsea, da Inglaterra, com a vaga garantida por ter vencido a UEFA Champions League da temporada 2020-2021.

O alviverde terá uma nova oportunidade de afastar a piada que mais incomoda os torcedores, que estão acostumados a ouvir dos adversários que “o Palmeiras não tem mundial”. O clube paulista venceu a Copa Rio de 1951, torneio reivindicado pelo Palmeiras como título mundial, mas contestado por outras torcidas.

Abel Ferreira, com a taça da Libertadores 2020 (Foto: Getty Images)

Fonte: G1