Maduro decide expulsar diplomatas norte-americanos da Venezuela

Após reeleição do presidente, Venezuela sofreu sanções dos Estados Unidos nos últimos dias.

O presidente eleito da Venezuela, Nicolás Maduro, declarou nesta terça-feira (22) que o país expulsará os dois diplomatas norte-americanos sediados em Caracas. A Venezuela sofreu sanções dos Estados Unidos nos últimos dias.

Todd Robinson e o ministro conselheiro, Brian Naranjos, terão 48 horas para deixar a Venezuela. A reação dos Estados Unidos foi definida após a reeleição de Maduro, no último domingo (20).

 

 

JIU JITSU FERNANDO MEIRA