Ipiaú: Câmara rejeita por unanimidade projeto que estabelecia 13º e férias para políticos

Câmara realizou sessão na manhã dessa sexta-feira (Foto: Giro Ipiaú)

A Câmara de Ipiaú rejeitou por unanimidade, em sessão extraordinária realizada na manhã dessa sexta-feira (29), o Projeto de Lei que concede aos vereadores, secretários, vice e prefeita o direito ao 13º salário e o abono de férias.

A proposição estava legalmente amparada pela decisão do Tribunal de Contas dos Municípios ( TCM), após aprovação do Supremo Tribunal Federal (STF). Os vereadores entenderam que a aprovação do projeto traria uma sobrecarga nos custos aos cofres públicos.

Ainda conforme os edis, um estudo foi feito sobre o gasto com os pagamentos de férias e 13º, e seria necessário demissões de servidores. O presidente da Câmara, vereador Carlos Bispo, destacou que o projeto era necessário ser votado ainda este ano, caso contrário seria automaticamente obrigatórios os pagamentos do 13º e férias. (Giro Ipiaú)

JIU JITSU FERNANDO MEIRA