Geraldo Simões admite vitória de Miralva e pede unidade do PT

O ex deputado Geraldo Simões admite que Miralva Moutinho sairá vitoriosa da eleição a presidente do PT de Itabuna, o processo eleitoral interno do partido dos trabalhadores ocorrerá neste domingo dia 08/09.
Diante deste reconhecimento o ex deputado pede que a militância petista mantenha unidade em defesa de Lula Livre e contra Bolsonaro.

Segundo uma fonte ouvida por este site, Geraldo admite erro na estratégia de apoiar um candidato ligado ao Deputado Josias Gomes, e que o fato de Josias apoiar Fernando Gomes e ter sido responsável pela vitória de Fernando Gomes em 2016 em Itabuna, teria sido negativo durante a campanha do PED. A avaliação interna do agrupamento de Geraldo é que Jackson Moreira não empolgou a militância e que não agregou votos.