CAMPANHA COMBATE AO MOSQUITO EDES AEGYPTI

Eleições 2022: prazo para nomeação de mesários termina no dia 3

Convocados receberão comunicação oficial da Justiça Eleitoral

Cerca de dois milhões de mesários, entre convocados e voluntários, devem trabalhar nas eleições de outubro. Eleitores maiores de 18 anos e que estão em situação regular com a Justiça Eleitoral podem ser mesários.

O prazo para que juízes façam a nomeação dos mesários começou no dia 5 de julho e termina no dia 3 de agosto. Há eleitores que são convocados para prestar serviços em uma eleição, e os voluntários, que se oferecem para os trabalhos eleitorais nas mesas receptoras de votos ou de justificativas.

Quem for convocado recebe uma comunicação oficial da Justiça Eleitoral, por correspondência, e-mail ou WhatsApp. Em caso de impossibilidade de participar, o convocado tem prazo máximo de cinco dias, a contar do recebimento da carta de convocação, para apresentar as razões de seu impedimento. O pedido será avaliado pelo juiz, que poderá aceitar ou não a justificativa.

No caso de quem quer ser voluntário, a inscrição pode ser feita pelo aplicativo e-Título, na página Canal do Mesário, do Portal do TSE, ou nos sites dos tribunais regionais. Outra opção para os interessados é entrar em contato com o cartório eleitoral em que for eleitor. 

No dia da eleição, o mesário recebe auxílio-alimentação no valor máximo de R$ 45. O trabalho como mesário também pode contar como horas complementares em cursos universitários, dar vantagem para o desempate em caso de classificação em concurso público, e dá direito a folgas ao concluir o treinamento e por cada dia trabalhado, sem prejuízo ao salário. É importante destacar que as folgas devem ser negociadas com a empresa, o órgão ou a instituição na qual a mesária ou o mesário trabalha.

* Com informações da Agência Brasil.