UFC

Brasileirão: Ao Vitória só resta vencer, vencer ou vencer

O Rubro-negro baiano tem obrigação de vencer por qualquer diferença de gols, e torcer por uma combinação de resultados na disputa da 31ª rodada.

Não é necessário recorrer a nenhuma matemática ou comprar calculadoras de alta definição. O Vitória volta esta tarde ao Estádio Manoel Barradas, na Toca do Leão, consciente de que para ele só existe um único resultado nesta partida de domingo contra o Atlético Goianiense: a vitória. O Rubro-negro baiano tem obrigação de vencer o Rubro-negro de Goiás, por qualquer diferença de gols, para torcer por uma combinação de resultados na disputa da 31ª Rodada da Série A, para voltar a dormir e acordar fora do Z-4, a zona de rebaixamento para a 2ª Divisão do campeonato Brasileiro em 2017.

Mas o grande adversário a ser superado no jogo de amanhã à tarde no Barradão, é o próprio Vitória, que carrega uma página negra na história dos jogos em casa. O Rubro-negro baiano tem um tabu para quebrar contra o Atlético de Goiás, a condição de pior mandante da Série A, com apenas 9 pontos ganhos, com apenas duas vitórias, em 15 partidas disputadas no Estádio Manoel Barradas, sem vencer desde o dia dois de agosto, 87 dias, quando derrotou a Ponte Preta por 3 a 1, pela 18ª Rodada do Brasileiro.

Essa péssima campanha, que jogou o clube no Z-4, hoje é o 17º colocado com 33 pontos ganhos, levou também o Vitória à condição de umas das piores médias de público nos jogos em Salvador, com o natural afastamento da sua torcida das arquibancadas do Barradão. Por isso a direção “apelou”, reduzindo em até R$ 15,00 o valor do ingresso de arquibancada, e R$ 30,00 o de cadeira.

O time – Neste domingo, o Vitória terá a chance de encerrar o jejum, que até lá terá 88 dias. O adversário da vez será o Atlético-GO, lanterna do Campeonato Brasileiro. A partida pode dar fim ao tabu do Rubro-Negro baiano. E o zagueiro Kanu dá a dica para o torcedor que comparecer ao Barradão na esperança de uma estória diferente da que tem sido escrita no estádio desde agosto.

“Não desistir, né? Precisamos deles, jogar junto com a gente. Se o torcedor jogar junto, a gente tem tudo para fazer um bom jogo”, disse o zagueiro que volta ao time nesta partida. Hoje pela manhã o técnico Vagner Mancini concluiu os trabalhos para a definição do time, que pode ter mudanças, já que o treinador fez questão de “esconder” os treinos da semana, com portões fechados para a imprensa.

 

 

 

Veja também