Vereador é morto com sete tiros em Araruama, no interior do RJ

Ciraldo Fernandes da Silva (DEM) teria sofrido represálias por ter se recusado a pagar propina aos criminosos, suspeita a Polícia

Por Vitor Abdala

O vereador Ciraldo Fernandes da Silva (DEM), de 57 anos, parlamentar na Câmara Municipal de Araruama, na Região dos Lagos, no Rio de Janeiro, foi assassinado na noite deste domingo (8) com sete tiros.

Segundo o Disque Denúncia, serviço não governamental que auxilia autoridades de segurança do Rio na busca por informações e por criminosos, Silva estava em um bingo, próximo ao bar da Amendoeira, na área conhecida como Campo da UTA, no bairro Fazendinha, em Araruama, quando, por volta das 19h25, dois homens armados passaram atirando.

Ainda de acordo com o Disque Denúncia, a Delegacia da Polícia Civil de Araruama (118ª DP) investiga se a morte foi uma represália de criminosos envolvidos com a venda de drogas na cidade, já que Silva, que também era dono de uma loja de material de construção, teria se recusado a pagar propina aos criminosos. O parlamentar estava em seu quarto mandato como vereador.

Na madrugada desta segunda-feira (9), o Portal dos Procurados do Dique Denúncia divulgou um cartaz que visa auxiliar a 118ª DP (Araruama) com informações que possam levar a identificação e localização dos envolvidos no crime.