UFC 213

UFC considera Romero x Whittaker pelo cinturão interino dos médios

Presidente do Ultimate, Dana White revela que, caso Bisping não consiga defender o título até setembro, cubano e australiano terão sua chance de serem campeões.

Yoel Romero é número 1 do ranking dos pesos-médios e disputa o cinturão contra Bisping ou Whittaker (Foto: Jason Silva)

Uma das categorias mais disputadas – e também mais complicadas – do UFC na atualidade, os pesos-médios podem ter um campeão interino em breve. Isso porque Dana White, presidente do Ultimate, revelou que Yoel Romero e Robert Whittaker podem disputar o cinturão da divisão ainda esse ano, caso Michael Bisping não se recupere de uma lesão no joelho e não possa defendê-lo contra o cubano.

Em mais uma etapa desta complexa teia de reclamações e acusações dentro dos pesos-médios, que já teve até Anderson Silva exigindo disputar o cinturão interino contra Yoel Romero, o UFC parece se posicionar de maneira mais incisiva. De acordo com Dana White, o prazo para o inglês é até o verão nos Estados Unidos (de junho a setembro).

– Nós estamos tentando fazer essa luta Bisping x Romero. Agora, se (Bisping) não lutar neste verão, provavelmente, vamos colocar um cinturão interino em jogo, em luta do Romero contra o Robert Whittaker – afirmou Dana à Espn dos Estados Unidos.

Robert Whittaker é uma revelação dentro do UFC e vem de vitória sobre Ronaldo Jacaré (Foto: Evelyn Rodrigues)

Aos 40 anos de idade, Yoel Romero é, atualmente, o número 1 do ranking entre os pesos-médios, atrás apenas do campeão Michael Bisping. O cubano está invicto há oito lutas e entrou pela última vez no octógono em novembro de 2016, vencendo Chris Weidman por nocaute. Seu cartel é de 12 vitórias e uma derrota. Já Robert Whittaker tem 26 anos e 18 triunfos e quatro reveses na carreira. Invicto há sete lutas, vem de uma surpreendente vitória sobre Ronaldo Jacaré, em abril de 2017, por nocaute técnico.

Veja também