GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

Shoppings de Salvador voltam a abrir em domingos e feriados

Academias também terão funcionamento de segunda a domingo; nos tempos religiosos, eventos poderão ter até 100 pessoas

A reabertura de shoppings centers e academias aos domingos e feriados foi anunciada nesta sexta-feira (4), pelo prefeito ACM Neto. Os dois setores já haviam sido autorizados a reabrir, nas fases 1 e 2, mas com protocolos mais rígidos. Nos centros comerciais, o horário de funcionamento permanece limitido ao período de 12h às 20hs. As academias terão horário livre.

De acordo com o município, as mudanças estão sendo adotadas após o recuo na ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 (atualmente a taxa está em 46%).

Nos templos religiosos, a ocupação máxima foi ampliada para 100 pessoas por culto ou 30% da capacidade  do espaço da celebração, , desde que seja mantido o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre os participantes. Os bares e restaurantes estão autorizados a ter  voz e violão ao vivo – atendendo a um pedido dos artistas – e o self-service volta a ser liberado desde que sejam seguidos protocolos.

Em relação à liberação de voz e violão, o prefeito reiterou que os estabelecimentos que permitirem as aglomerações e o desrespeito aos protocolos gerais e setoriais serão fechados. “Vai ser permitido voz e violão, mas não quer dizer que as pessoas vão levantar de suas mesas e ficar circulando ou dançando. Para qualquer local de circulação, os clientes precisam usar a máscara.”

O decreto com novas permissões será publicad0 no Diário Oficial do Município ainda nesta sexta-feira. “Os números nos mostram que dá para continuar avançando no processo de flexibilização de medidas, dando novos passos nessa terceira fase que, na prática, vai nos permitir retomar as atividades econômicas”, conclui ACM Neto. Prevista nesta etapa final de retomada econômica da pandemia, a reabertura de cinemas, casas de espetáculo, do centro de convenções, parques de diversão e temáticos ainda não aconteceu.

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia