Proteção da Caantiga e dos Mares Baianos é destaque no dia Mundial do Meio Ambiente

No dia Mundial do Meio Ambiente o ex-prefeito de Serrinha e atual assessor chefe do governador Rui Costa, Osni Cardoso, chamou atenção para uma pauta ainda pouco debatida em nosso Estado, a proteção do único bioma exclusivamente brasileiro, a Caatinga, “estamos construindo nos territórios do Sisal e Jacuípe uma proposta de política pública estadual voltada para proteção da nossa Mata Branca, ressalta Osni”.

Através de uma campanha educativa o projeto visa a mudança da cultura imediatista dos agricultores, através do recaatingamento com plantas nativas e novas espécies que se adaptam ao semiárido baiano.

Em reunião na Secretária de Desenvolvimento Rural, Osni, entregou ao secretário Jeronimo Rodrigues o mapeamento das experiências já existentes nas duas regiões. “Esse projeto conscientiza os agricultores a pensarem suas propriedades a médio e longo prazo, assegurando produção, consumo e comercialização dos produtos oriundos de seu habitat natural, garantindo sustentabilidade as próximas gerações e a proteção do nosso bioma” afirma Osni.

Campanha pela Criação da Bancada do Mar
Osni também encabeça uma luta junto ao Instituto Rede Mar Vivo com o objetivo de proteger o nosso patrimônio marítimo, a ideia é criar uma frente parlamentar que paute ações de proteção, conservação e preservação dos mares baianos.

“O litoral baiano é o maior do Brasil, com mais de 1.100 km de extensão, toda essa riqueza merece um cuidado especial, com debates específicos com os setores envolvidos em atividades marítimas, é importante que nossos políticos se envolvam nessa luta, por isso, criamos uma petição solicitando que a Assembleia Legislativa crie a Frente Parlamentar em defesa do Mar da Bahia”, conclui Osni.

 

Fonte: Ascom
JIU JITSU FERNANDO MEIRA