UFC 213

Primeiro dia de Enem tem baixo número de candidatos eliminados

Números do Inep mostram que o descumprimento de regras do edital e o monitoramento por detector de metais resultaram na desclassificação de 273 participantes.

© Agência Brasil

Pela primeira vez realizado em dois domingos seguidos, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017 teve um baixo número de candidatos desclassificados. No dia em que os estudantes fizeram as provas de Linguagens, Ciências Humanas e Redação, 273 participantes foram eliminados.

Deste número, 264 saíram por descumprimento das regras previstas no edital do Enem; outros nove acabaram retirados pelo monitoramento por detector de metais. Em comparação com o exame anterior, realizado em 2016, o número de eliminados é bem menor. No ano passado, ao final do primeiro dia, foram 3.942 eliminações; outras 4.780 ocorreram no segundo dia.

Dois participantes saíram do ambiente de avaliação com o caderno de prova antes do horário permitido. Um deles já foi identificado e eliminado. Uma sala em Teresina (PI) e outra em Uruaçú (GO) apresentaram problemas de energia e os participantes terão nova oportunidade a ser divulgada pelo Ministério da Educação.

“Tudo ocorreu bem, tendo em vista a magnitude do exame”, afirmou o ministro da Educação, Mendonça Filho, em entrevista coletiva realizada logo após as provas. Na visão dele, o número baixo de ocorrências no primeiro dia de exame se traduz em mais tranquilidade para os estudantes que participaram dos testes.

Dados preliminares

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o primeiro dia de avaliação registrou 30,2% de abstenção. Dos 6.731.344 inscritos, compareceram aos locais de prova 4.325.823 participantes. Em 2016 foram 8.363.306 inscritos, com 29,19% de abstenção.

Os dados preliminares foram divulgados nesta noite pelo ministro da Educação, pela presidente do Inep, Maria Inês Fini, e pela diretora de Gestão e Planejamento do instituto, Eunice Santos.

Até às 13h deste domingo 84,6% dos candidatos inscritos haviam acessado o cartão de confirmação. O documento disponibiliza o número de inscrição; a data, hora e local das provas; a opção de língua estrangeira escolhida e os atendimentos específicos e/ou especializados, caso tenham sido solicitados.

Atendimento especializado

Aproximadamente 3 mil candidatos foram inscritos no processo de avaliação como surdos. Desses, cerca de 1700 fizeram uso de uma novidade na aplicação especializada: a videoprova traduzida em língua brasileira de sinais. Neste caso, as salas de prova comportam 20 participantes. Os outros 1300 realizaram as provas com auxílios tradicionais de tradutores, em salas com 6 participantes. Com informações do Portal Brasil.

 

 

Veja também