GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

Operação faz vistorias em passageiros de 20 aeronaves em Salvador

Nesta segunda-feira, 25, foi realizada mais uma fase da operação Voo Legal. Durante a ação, baianos e turistas que desembarcaram no Aeroporto Internacional de Salvador tiveram suas bagagens vistoriadas. O ato é coordenado pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a operação visa impedir a entrada de armas, drogas, contrabando e materiais ilícitos em Salvador. Nesta segunda, 563 passageiros de seis voos domésticos oriundos de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília foram abordados e tiveram as bagagens vistoriadas. A ação contou com agentes do Draco, policiais do Canil da Coe, scanners e Receita Federal, junto com policiais federais.

Nesta operação, 3.500 pessoas foram abordadas desde janeiro, nas ações Voo Legal, no Aeroporto Internacional de Salvador, Mar Azul no Terminal Marítimo e Pista Limpa na Linha Verde. Até o momento, 20 aeronaves, 12 ferrys, 702 veículos (entre carros de passeio, motocicletas, caminhões e vans) foram vistoriados.

Estas ações também ocorrem com peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), em uma unidade móvel para realizar exames de identificação de substâncias entorpecentes e identificação de pessoas.

Nestas ações ocorreram duas prisões: uma por documento falso e outra por porte ilegal de arma de fogo. Também houve um cumprimento de mandado de prisão preventiva por homicídio.