NOVA BAHIA 2024

Hospital Ana Nery amplia capacidade de hemodiálise com aquisição de novas máquinas

O Hospital Ana Nery, que integra a rede da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), recebeu 17 novas máquinas de hemodiálise, possibilitando o avanço contínuo do serviço prestado aos pacientes renais crônicos submetidos à terapia renal substitutiva. A aquisição do equipamento representa um investimento de R$ 927 mil.

“O HAN segue se engajando no fortalecimento do SUS [Sistema Único de Saúde], proporcionando a melhoria contínua aos usuários. Essas novas máquinas trarão conforto, segurança e modernidade aos pacientes que fazem hemodiálise na unidade”, pontua o diretor do hospital, Igor Lobão.

Ainda conforme Lobão, 196 pacientes são submetidos à terapia renal substitutiva no Ana Nery, sendo 144 pacientes em hemodiálise, somados aos 52 pacientes em diálise peritoneal. Ao todo, mais de 102 pacientes se beneficiarão desses novos equipamentos disponibilizados pela Sesab.

Foto: Divulgação/Sesab

Cofinanciamento

Lançado no último mês de março, o Programa de Cofinanciamento Estadual na Atenção Especializada às Pessoas com Doença Renal Crônica resultou num incremento de 25% no valor repassado às clínicas de hemodiálise. O valor repassado pelo SUS às clínicas por sessão de hemodiálise passou de R$ 218,47 para R$ 273,08. Há, também, um incentivo financeiro, com incremento de 25% no valor, para a confecção de fístula arteriovenosa para hemodiálise, que é a ligação entre uma veia e uma artéria, feita para criar um acesso por onde será realizada a hemodiálise.

O SUS é o responsável pelo financiamento de cerca de 90% dos tratamentos de pacientes em terapia renal substitutiva (TRS) no país. Estes tratamentos são oferecidos, em grande parte, por clínicas privadas credenciadas. A Comissão Estadual de Nefrologia é responsável por avaliar e autorizar a inclusão de pacientes no procedimento.

Ana Nery

Integrante da rede estadual de assistência, o Hospital Ana Nery oferta todas as modalidades de terapia renal substitutiva (hemodiálise, diálise peritoneal e transplante) de forma integral, além de ser referência para realização do transplante renal. A unidade é o maior centro de transplante renal em adultos da Bahia e o único que realiza transplante renal pediátrico.

Para ampliar a possibilidade de mais transplantes, nos últimos cinco anos, a Secretaria da Saúde do Estado tem investido em estratégias para aumentar o número de procedimentos na Bahia. Os recursos foram destinados na aquisição de equipamentos, capacitação de profissionais e realização de campanhas de conscientização da sociedade.

Fonte: Ascom/Sesab

Veja também

GOVERNO DA BAHIA