Gusttavo Lima deixa Teolândia sob lamentos da prefeita Rosa

Artista, segundo um jornalista local, teria deixado a festa reclamando e ameaçando parar de cantar

Gusttavo Lima estava confiante que iria cantar na Bahia — Foto: Fotos reprodução Instagram

Na tarde deste domingo (5), o cantor Gusttavo Lima, que estava no aeroporto da cidade de São João Del-Rei, em Minas Gerais, publicou nas redes sociais que tocaria, sim, em Teolândia, na Bahia. No entanto, segundo postagens nas redes sociais, a prefeitura da cidade seguiu a decisão judicial e cancelou a apresentação do sertanejo na tradicional Festa da Banana.

Um vídeo amador mostra o momento em que o ônibus do artista de Minas Gerais deixa o local da Festa da Banana:

O jornalista Igor Cartiê, no Twitter, inclusive, afirmou que o cantor “Gusttavo Lima saiu do palco do show, que iria fazer em Teolândia, na Bahia, gritando que não vai mais cantar e que vai parar a carreira”, publicou ele.

Em um outro vídeo amador, compartilhado na rede Instagram e gravado no local do evento, uma voz supostamente atribuída a prefeita da cidade, a professora Rose Baitinga, declara: “Eu tava pensando que tudo seria resolvido”. Em outro trecho do vídeo, ela diz: “O sonho que eu tinha era trazer o melhor para vocês”.

Entenda o caso
Humberto Martins, presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), suspendeu, neste domingo (5), uma decisão judicial que havia autorizado a realização da Festa da Banana em Teolândia, na Bahia, onde Gusttavo Lima faria um show. Na decisão, o ministro pontuou o alto gasto para uma cidade de só 20 mil habitantes e que está em situação de emergência.

Cuida-se de gasto deveras alto para um município pequeno, com baixa receita, no qual, como apontado pelo Ministério Público da Bahia, o valor despendido com a organização do evento chega a equivaler a meses de serviços públicos essenciais”, afirmou o ministro na decisão. 

Fonte: O tempo