PIRAÍ DO NORTE

Governador do Piauí diz que aceita desafio de zerar ICMS sobre o combustível

Após culpar os governadores pelo preço dos combustíveis, Jair Bolsonaro propôs que caso os Estados zerassem a taxação de ICMS sobre o combustível, os impostos federais também seriam retirados. “A resposta é sim”, disse Wellington Dias (PT)

Governador do Piauí diz que aceita desafio de zerar ICMS sobre o combustível

Lucas Pereira, do Teresina Diário – O governador do Piauí, Wellington Dias se pronunciou nesta quinta-feira (06) a respeito do desafio feito pelo Presidente Jair Bolsonaro aos governadores.

Em entrevista à imprensa, quando questionado sobre o valor do combustível, o presidente disse que caso os governadores zerassem a taxação de ICMS sobre o combustível, os impostos federais do mesmo também seriam retirados.

“Eu zero o (imposto) federal, se zerar ICMS. Está feito o desafio aqui. Eu zero o (imposto) federal hoje e eles (governadores) zeram ICMS. Se topar, eu aceito”, disse o Presidente.

O governador do Piauí, contudo, pediu que a proposta seja incluída na reforma tributária, já em tramitação no Congresso Nacional. Na avaliação do governador petista, a matéria é bem mais complexa do que a proposta do Presidente.

“A resposta é sim, nós queremos tratar de redução, de simplificação da área tributária, do fim da guerra fiscal, queremos com isso que o país tenha uma outra modelagem, com o fim das desigualdades regionais, basta que o presidente diga ao seu líder e ao Presidente da Câmara e do senado: eu quero que a gente tenha isso e eu sou favorável à aprovação da reforma tributária”, disse Wellington Dias.

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia