GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

De olho nas eleições de 2020, partidos expulsam vereadores e apostam em lideranças sem mandato

Dirigentes partidários estão promovendo uma verdadeira limpa nos seus quadros. E os alvos da faxina são vereadores, que se tornaram um entrave para atrair lideranças e montar uma chapa equilibrada e competitiva. Lembrando que os parlamentares precisam encontrar novas legendas até abril de 2020, se quiserem disputar as eleições do ano que vem, o que não é tarefa fácil.

O fato é que os mandatários representam ameaça para quem pretende disputar as eleições. Muitos pré-candidatos desistem de se liar a legendas consideradas pesadas, quando contam com raposas politicas, como é o caso do PDT, Pros, PTC, PSB.

O caso mais recente é do Partido Trabalhista Cristão (PTC). A legenda endereçou cartas para seus mandatários em alguns municípios capixabas para comunicar que estavam sendo desligados do quando de liados. Neste pacote, dois vereadores da Serra foram atingidos: Adriano Galinhao e Miguel da Policlínica.

Galinhao se disse surpreso com a informação. “Fiquei muito surpreso, mas co muito tranquilo. Sempre estive presente no partido, mas agradeço ao PTC por ter aberto as portas. Vou conversar com meu grupo e minha comunidade para decidir como melhor proceder. Minhas ações são sempre voltadas para a cidade e minha querida comunidade. Meus projetos são elaborados sempre pensando nas famílias e nos trabalhadores”.

Miguel da Policlínica foi procurado pela reportagem, mas não foi localizado para comentar o assunto.

O presidente estadual da legenda, Adriano Rocha, disse que os vereadores não cumpriram com o que determina o Estatuto e por não terem delidade ao partido devem ser desligados da agremiação. “Tenho vários documentos noticando os vereadores, que nunca responderam. Assumi o partido em abril e, desde então, tento dialogar com esses parlamentares”, disse.

Na mira do PDT:

Outra legenda que está deslando seus vereadores é o PDT. Depois de “convidar” Fábio Duarte a se desligar do partido, agora os alvos da vez são Geraldinho PC e Nacib Haddad*. Segundo especulações de bastidores políticos, dois pedetistas estariam no encalço dos vereadores para a noticação ocial do afastamento. O PDT deve apostar em 2020 na candidatura de Dudu Vidigal à Câmara de Vereadores.

A reportagem tentou contato com o presidente da legenda, Alessandro Comper, mas ele não foi localizado para comentar o assunto.

Recentemente outro vereador, Geraldinho Feu Rosa*, foi desligado da sua legenda, o PSB.

Geraldinho e Nacib estão afastados da Câmara por determinação da Justiça.

Fonte: Portal Tempo Novo

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia