CAMPANHA COMBATE AO MOSQUITO EDES AEGYPTI

Bahia registra três primeiros casos de varíola dos macacos no interior

Dois pacientes são de Santo Antônio de Jesus e outro de Ilhéus, diz Sesab

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou neste sábado, 30, os três primeiros casos da varíola dos macacos no interior do estado. As confirmações são de dois moradores de Santo Antônio de Jesus e um do município de Ilhéus. Com isso, a Bahia totaliza doze confirmações da doença.

Além destes casos no interior, também neste sábado, 30, foram confirmados mais dois em Salvador. Ainda de acordo com a pasta, outros 50 casos suspeitos estão sendo investigados.

Municípios notificados:

Amargosa (1), Aratuípe (1), Barra (1), Cairu (1), Camaçari (2), Canarana (1), Conceição do Coité (1), Conceição do Jacuípe (1), Cruz das Almas (1), Dias d’Ávila (1), Ibicaraí (2), Itaberaba (4), Itapebi (1), Itiruçi (1), Jaguaripe (1), Lauro de Freitas (1), Nazaré (1), Salvador (9), Santa Cruz Cabrália (4), Santo Antônio de Jesus (1),São Gonçalo dos Campos (1), São Miguel das Matas (1), Ubaíra (1) e Vitoria da Conquista (1).

A varíola dos macacos, ou a Monkeypox, assemelha à varíola humana, erradicada em 1980. Entres os sintomas, a doença cursa com febre, dor de cabeça, dores musculares, dores nas costas, adenomegalia, calafrios e exaustão. A infecção é autolimitada com sintomas que duram de 2 a 4 semanas.