NOVA BAHIA 2024

Bahia espera atrair R$ 30 bi em investimentos estrangeiros para energia limpa, diz governador

Governador Jerônimo Rodrigues fez o anúncio em entrevista  |   Bnews - Divulgação Divulgação

Considerado um dos maiores produtores de energias renováveis no Brasil, a Bahia espera receber R$ 30 bilhões em investimentos estrangeiros no setor ao longo dos próximos anos.

A projeção foi feita pelo governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), em entrevista à CNN. Na conversa, ele também afirmou que empresários e entes públicos da Alemanha, da Bélgica e da Holanda demonstraram interesse em investir na região.

O chefe de Estado integra a missão do Consórcio Nordeste, que está na Europa com o objetivo de atrair investimentos na área da energia verde. Segundo ele, grande parte do investimento deve ser em infraestrutura.

“É um investimento dirigido majoritariamente na parte de infraestrutura e produção de energia. Portos, aeroportos, linhas de transmissão, são custos que os estados não têm pernas para suportar”, afirmou.

Durante as reuniões com autoridades e empresários europeus, o potencial do Brasil na produção de hidrogênio verde foi um dos centros da discussão. Isso porque a Europa, principalmente a Alemanha, busca se livrar da dependência do gás natural da Rússia, sem causar danos ao meio ambiente, o que exclui a possibilidade da queima de carvão e coloca o Brasil em uma posição estratégica.

O governador ressaltou que o intuito é não só exportar energia, mas usar os projetos de hidrogênio verde também para a industrialização do estado.

“Não queremos apenas exportar [energia limpa], queremos garantir também a neoindustrialização. Trazer indústrias para que o Nordeste produza energia e industrialize a economia”, acrescentou.

Algo que assusta os investidores, no entanto, é a inexistência de um marco legal do hidrogênio verde. Na próxima semana, o Senado deve votar um projeto de lei sobre o assunto. A relatoria do texto está com o senador Otto Alencar (PSD-BA).

Em junho de 2023, a União Europeia anunciou 2 bilhões de euros em investimentos para apoiar a produção brasileira de hidrogênio verde. Em novembro, a União Europeia se comprometeu a apoiar financeiramente a construção de uma usina de hidrogênio verde no litoral do Piauí.

O hidrogênio verde é produzido através da eletrólise da água, utilizando energia limpa, sem gerar emissões de CO².

As informações são da CNN.

Classificação Indicativa: Livre

Veja também

GOVERNO DA BAHIA