Bahia tem mais de 1,6 milhão de títulos que podem ser cancelados

Eleitores que votam nas cidades em revisão extraordinária precisam realizar o procedimento até o dia 31 de janeiro

A menos de 30 dias para o final do prazo para a realização do recadastramento biométrico nas cidades cuja revisão está em fase obrigatória, mais de 1 milhão e 600 mil eleitores da Bahia ainda não atenderam a convocação da Justiça Eleitoral.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 48 municípios estão submetidos à revisão extraordinária no estado, ou seja, os eleitores dessas cidades precisam realizar a biometria até o dia 31 de janeiro de 2018. Caso não realize o procedimento, o eleitor terá seu título cancelado.

Até a terça-feira (2/1), dos 4.359.308 eleitores das cidades em revisão extraordinária, 2.670.566 (61,26%) realizaram o procedimento biométrico. Dessa forma, os 1.688.742 que ainda não fizeram a atualização precisam buscar o posto do TRE-BA em seu domicílio eleitoral para coleta dos dados biométricos.

JIU JITSU FERNANDO MEIRA