Atletas baianos conquistam medalha de ouro no boxe e no judô

Os atletas Keno Marley e Diego Santos estão trazendo para casa a conquista do 1º lugar nos campeonatos de boxe e judô disputados este final de semana (02 e 03/04), respectivamente no México e em Minas Gerais.

O boxeador Keno Marley garantiu a medalha de ouro após disputar a final do Campeonato Continental de Boxe contra o mexicano Rogelio Romero, em partida realizada na cidade de Guayaquil, Equador, no último sábado (02).

Natural de Sapeaçu, no Recôncavo Baiano, o atleta de 21 anos conta com o apoio da Sudesb por meio do Programa Bolsa Esporte e já acumula participações em grandes eventos internacionais, como os Jogos Panamericanos de 2019, em Lima, e os Jogos Olímpicos de Tokyo, realizados em 2021.

O outro campeão do final de semana é o judoca Diego Santos, natural de Jequié e atleta da Seleção Brasileira de Judô, que conquistou a medalha de ouro no Campeonato Nacional de Judô – Região III, realizado em Betim, Minas Gerais, nos dias 02 e 03.

A delegação baiana, presente no Campeonato Nacional de Judô – Região III, contou com 145 atletas de judô. Destes, 40 judocas viajaram com apoio da Sudesb, em ônibus fretado que saiu de Salvador com destino à cidade mineira, passando por Feira de Santana e Jequié para o embarque dos atletas.

A Bahia conquistou 50 medalhas, sendo 8 de ouro, 10 de prata e 32 de bronze. Participaram também, desta regional, delegações de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Bolsa Esporte

Trata-se de um programa do Governo da Bahia, executado por meio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia vinculada à Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

Os dois editais do Bolsa Esporte lançados em 2021 pelo Governo do Estado, por meio da Setre e sua autarquia Sudesb, investem R$1,5 milhão no apoio direto a 162 atletas. O recurso é depositado mensalmente diretamente na conta de cada beneficiado, com o valor variando conforme categoria e posição no ranking da modalidade esportiva.

Fonte: Ascom/Sudesb