NOVA BAHIA 2024

Aplicativos de viagens têm 8 recursos para serem acionados em caso de perigo

Ligar para a polícia e gravação de áudio são algumas das opções; veja lista

Três plataformas têm a opção de ligar diretamente para a polícia. Crédito: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O caso da vendedora de 24 anos vítima de tentativa de estupro em uma viagem por aplicativo, na madrugada de domingo (12), em Salvador, não é isolado. Em pouco mais de um mês, dois motoristas de aplicativo foram presos na Bahia suspeitos de sequestro e roubo contra passageiras mulheres. Os casos aconteceram na capital e em Feira de Santana.

Diante das ocorrências, surge a pergunta: quais recursos as plataformas fornecem para tornar as viagens seguras? A reportagem realizou um levantamento e elaborou uma lista de ferramentas que podem, inclusive, ser utilizadas por passageiros que vivenciarem situações de perigo.

1 – Botão de ligar para a polícia

Discar o número 190 pode parecer simples à primeira vista, mas, para quem passa por uma situação arriscada, contatar forças de segurança nem sempre é tarefa fácil. Por isso, as plataformas Uber, 99 App e InDrive contam com o recurso “ligar para a polícia”, que pode ser acionado durante a viagem. Basta entrar nas informações sobre a viagem e procurar o botão. 

No aplicativo da Uber, os recursos aparecem ao clicar na opção

No aplicativo da Uber, os recursos aparecem ao clicar na opção “Segurança” quando uma viagem for solicitada. Crédito: Reprodução

2 – Checagem de rota

Demorou muito para chegar ao seu destino ou o motorista fez uma rota maior do que a prevista? Ao identificar situações como essas, as plataformas automaticamente enviam mensagens para o passageiro e para o motorista perguntando se algum suporte é necessário. No caso da Uber, a notificação direciona o passageiro para as ferramentas de segurança disponíveis no aplicativo.

3 – Gravação de áudio

Passageiros que enfrentarem alguma situação desconfortável podem utilizar os próprios aplicativos das plataformas de viagem para gravar um áudio. O conteúdo pode ser enviado por meio de um relato de segurança para a empresa e, ainda, ser utilizado para colaborar com investigações policiais.

4 – Compartilhar viagem

As plataformas possuem a opção de compartilhar a viagem em tempo real, o que aumenta a segurança dos passageiros. Para isso, basta ter um celular conectado a internet e a localização ativada.

5 – Contato de confiança

A plataforma Uber tem a opção para que os passageiros adicionem até cinco “contatos de confiança” no aplicativo. Por meio dessa configuração, o passageiro pode compartilhar o trajeto da viagem com mais facilidade.

Além disso, em caso de emergência, caso a empresa não consiga contatar quem solicitou a viagem, pode ligar para o contato de confiança. Segundo a empresa, o contato pode ser feito em situações de morte, hospitalização e necessidade de chamar uma ambulância.

 6 – Central de Segurança em tempo real

A plataforma 99 disponibiliza para passageiros a Central de Segurança, que pode ser contatada pelo aplicativo através de um chat online. Nesse canal, o passageiro recebe informações sobre como agir em situações de risco e como solicitar ajuda.

7 – Bloquear motorista

Outro recurso disponibilizado pela 99 é a opção de bloquear um motorista. Em caso de situações desconfortáveis, por exemplo, a ação pode ser tomada para que o passageiro não tenha uma viagem aceita por uma determinada pessoa novamente.

O recurso aparece assim que a corrida for finalizada e a plataforma indicar a avaliação do motorista. As plataformas Uber e InDrive não oferecem essa ferramenta. 

8 – Código de verificação 

Na plataforma Uber, é possível ativar um código de verificação para que todas as vezes que o passageiro solicite uma corrida, uma numeração seja fornecida antes do início da viagem. A corrida só começa quando o código foi inserido no celular do motorista. É possível ativar o recurso na opção “confirme suas viagens”.

Uber, 99 e InDrive foram questionadas sobre os recursos de segurança disponíveis nos aplicativos. Apenas a Uber listou as ferramentas que ofecere aos passageiros. “Segurança é uma prioridade para a Uber e inúmeras ferramentas atuam antes, durante e depois das viagens para torná-las mais tranquilas, como, por exemplo, o compartilhamento de localização, gravação de áudio, gravação de vídeo, detecção de linguagem imprópria no chat, botão de ligar para a polícia, entre outros”, pontuou. 

Veja também

GOVERNO DA BAHIA