PIRAÍ DO NORTE

APLB pretende acionar o Ministério Público em prol dos professores de Teolândia

APLB-pretende-acionar-o-Minist%C3%A9rio-P%C3%BAblico-em-prol-professores-de-Teol%C3%A2ndia APLB pretende acionar o Ministério Público em prol dos professores de Teolândia

Professores da rede municipal de ensino da cidade Teolândia foram pegos de surpresa com a decisão tomada pelo prefeito Lázaro Andrade, que decidiu abater cerca de 10% dos vencimentos da classe sem aviso prévio. De acordo com a APLB local, Lázaro estaria usando à crise provocada pelo coronavírus como justificativa para o desconto.

“Já temos a bola de neve em nossas contas bancárias por conta da falta de pagamento dos empréstimos. Pagamos juros absurdos ao Bradesco porque a prefeitura não repassou o consignado”, diz uma parte do comunicado emitido.

Ainda segundo os professores, uma comissão formada foi até à Câmara solicitar apoio dos vereadores para que os mesmos fossem intermediadores de uma conversa com o gestor, mas foram informados que o prefeito encontra-se irredutível e não voltará atrás da decisão.

No comunicado, além de sugerir um ingresso no Ministério Público, a classe sugere também uma manifestação para os próximos dias, usando máscaras, álcool em gel, distância exigida e vestidos de pretos. O prefeito de Teolândia ainda não se manifestou sobre o caso.

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia