GOVERNO DA BAHIA - TERRA MÃE DO BRASIL

Alice Portugal propõe que o Carnaval de Salvador seja reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial

Alice Portugal propõe que o Carnaval de Salvador seja reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial

A deputada Alice Portugal (PCdoB/BA) é autora do requerimento de indicação ao Poder Executivo, solicitando que o Carnaval de Salvador seja reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro. O Carnaval da capital baiana é a maior festa popular do mundo, onde a cultura brasileira atinge a sua máxima expressão.

“O Carnaval de Salvador, com sua estética peculiar marcada pela presença do trio elétrico e da guitarra baiana, espaço de alegria e de multicultura, reúne todos os elementos necessários para ser registrado como bem cultural de natureza imaterial do povo brasileiro”, explica a deputada, que é ex-presidente da Comissão de Cultura da Câmara.

Além disso, Alice afirma que o Carnaval da capital baiana impulsiona diferentes áreas, como a economia e o turismo. Durante a festa, a economia baiana recebe um impulso de notáveis proporções. “A cadeia produtiva do carnaval é complexa e envolve diferentes setores da economia. Até que o primeiro bloco desponte na Avenida, o carnaval já mobilizou diversas atividades nos setores de criação, infraestrutura, comidas e bebidas, vestuário, turismo, entre outros tantos”, justifica Alice.

A parlamentar protocolou o requerimento na presidência da Câmara dos Deputados em 2015, solicitando o envio da indicação ao Poder Executivo por intermédio do Ministério da Cultura, que hoje é a Secretaria Especial de Cultura do governo Bolsonaro.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Deputada Alice Portugal

Alice Portugal propõe que o Carnaval de Salvador seja reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial

Tele Coronavírus 155 começa a funcionar para atender a população gratuitamente na Bahia