Sistema de Reconhecimento Facial chega a quarta prisão em 48 horas

No último domingo, um homem foi identificado e preso após a ferramenta indicar 91% de similaridade

Um homem foi detido através do Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública (SSP) nas últimas horas do domingo (31). Esta foi a quarta prisão realizada pelo sistema na capital baiana em 48 horas.

O mandado de prisão foi expedido pela Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organização Criminosa de Salvador por suspeita de tráfico de drogas, e já respondendo por crimes de homicídio e venda de entorpecentes.

A prisão do suspeito foi realizada após a ferramenta indicar 91% de similaridade, no momento em que ele passava por um dos pontos monitorados da cidade. Integrantes do Centro Integrado de Comunicações (Cicom) informaram às equipes da 17ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Uruguai) próximas do local.

Com isso, o homem foi identificado e, após apresentar os documentos pessoais, conduzido para a Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter), na região dos Barris.

 Na unidade da Polícia Civil foi confirmada a validade do mandado e o criminoso, que passa a ocupar a posição 338º na lista de foragidos alcançados com o auxílio da tecnologia, aguarda decisão judicial.

Outras prisões

Outros três foragidos da Justiça também foram flagrados no último sábado (30), em Salvador. Um homem que possuía mandado de prisão por praticar sexo com uma vítima que tem menos de 14 anos de idade e outros dois assaltantes foram localizados pelas câmeras inteligentes.

Após a confirmação dos documentos pessoais, o trio foi conduzido por PMs para a sede da Polinter, onde os investigadores concluíram a identificação humana, cumpriram o mandado expedido pela Justiça e encaminharam para a realização de exames no Departamento de Polícia Técnica (DPT).