CARNAVAL 2024

Putin diz que Rússia testou arma nuclear de nova geração

Presidente russo, Vladimir Putin, durante reunião no Kremlin © Thomson Reuters

MOSCOU (Reuters) – O presidente russo, Vladimir Putin, disse nesta quinta-feira que a Rússia testou com sucesso um novo e potente míssil estratégico e se recusou a descartar a possibilidade de realizar testes de armas envolvendo explosões nucleares pela primeira vez em mais de três décadas.

Putin disse pela primeira vez que Moscou testou com sucesso o Burevestnik, um míssil de cruzeiro com propulsão nuclear e capacidade nuclear, com um alcance potencial de milhares de quilômetros.

Ele também disse em uma reunião anual de analistas e jornalistas que a Rússia tinha quase concluído os trabalhos em seu sistema de mísseis balísticos intercontinentais Sarmat, outro elemento crucial da sua nova geração de armas nucleares.

Putin, que desde o início da invasão da Ucrânia, em 24 de fevereiro de 2022, tem repetidamente lembrado o mundo sobre o poderio nuclear da Rússia, disse que ninguém em sã consciência usaria armas nucleares contra a Rússia.

Se tal ataque fosse detectado, disse ele, “um número tão grande de nossos mísseis — centenas e centenas — apareceria no ar que nem um único inimigo teria chance de sobrevivência”.

A Rússia não realiza um teste que envolva uma explosão nuclear desde 1990, um ano antes do colapso da União Soviética, mas Putin recusou-se a descartar a possibilidade de retomar tais testes.

CARNAVAL 2024

Veja também

NOVA BAHIA