Preço do litro da gasolina começa a cair no DF e chega a custar R$ 4,17

Valor começou a diminuir três semanas após o fim da paralisação dos caminhoneiros em todo o país, e também após o GDF decidir congelar a base de cálculo para a cobrança do ICMS.

Na terceira semana após a paralisação nacional de caminhoneiros, que gerou uma crise no abastecimento em todo o país, o preço do litro da gasolina começou a cair nos postos do Distrito Federal.

Segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), na semana anterior à greve dos caminhoneiros, o preço médio da gasolina para os consumidores estava em torno de R$ 4,24. Quando a paralisação começou, foi a R$ 4,52 e, quando acabou, a média do preço chegou a R$ 4,84.

Ainda segundo a ANP, nas duas primeiras semanas de junho, depois do fim paralisação, o preço médio ficou em R$ 4,70.

Agora, com a decisão do governo do DF de congelar a base de cálculo para a cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da gasolina na capital, o preço do combustível já está menor.

Em um posto de Taguatinga, por exemplo, foi possível encontrar o litro do combustível a R$ 4,17. Em outros, na EPTG, a reportagem encontrou o litro a R$ 4,19.

G1 DF.
JIU JITSU FERNANDO MEIRA