Pré-candidatos confirmam presença no Dois Julho

Rui Costa, José Ronaldo e Marcos Mendes participam do cortejo e antecipam o tom da campanha

Os pré-candidatos ao governo da Bahia, Rui Costa (PT) e José Ronaldo (DEM), confirmaram que vão Dois de Julho na próxima segunda-feira. O petista informou que vai chegar ao Largo da Lapinha às 7h30 e, após solenidade em frente ao panteão, segue em caminhada pelas ruas do Centro Histórico de Salvador. Ao falar sobre a presença nos festejos, o chefe do Palácio de Ondina, que é candidato à reeleição, brincou com o fato de a homenagem à Independência da Bahia ocorrer no dia e quase no mesmo horário do jogo da Seleção brasileira na Copa do Mundo. Às 11 horas, os jogadores brasileiros vão entrar em campo na Rússia para enfrentar o Médico pelas oitavas de final.“A organização do evento antecipou o hasteamento da bandeira para 7h30 da manhã para o baiano e a baiana realizar as duas paixões, que são o Dois de Julho e o futebol. […] Segue, então, a caminhada no ritmo de correria para garantir que 10h30 a gente chegue ao Pelourinho e todo mundo assista ao jogo”, declarou, em entrevista à imprensa, durante a inauguração da Policlínica de Valença no Baixo Sul baiano.

O governador disse, ainda, que estará presente na cerimônia marcada para as 15h, no 2º Distrito Naval, no bairro do Comércio, quando ocorre a execução dos hinos nacional e da Bahia e o acendimento da pira com a tocha, que percorreu diversas cidades do Recôncavo Baiano. Pré-candidato da oposição ao governo, José Ronaldo disse que estará na comitiva do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM).

“O Dois de Julho é a nossa principal data. Marca o momento da confirmação da Independência do Brasil. Foi em nosso estado que foram travadas as batalhas que garantiram a nossa liberdade. É o momento de reverenciarmos os nossos heróis e o nosso povo. É importante frisar que a comemoração não é só em Salvador, mas em todo o estado. Já participei do ato cívico no Recôncavo e em diversas cidades. Esse ano estarei em Salvador ao lado do prefeito ACM Neto e do nosso grupo político, comemorando esse momento importante da história do Brasil e onde mais uma vez a Bahia aparece como protagonista”, afirmou.

Já o pré-candidato do PSOL, Marcos Mendes, vai seguir o cortejo acompanhado pelo presidenciável do partido, Guilherme Boulos. A pré-candidata Célia Sacramento (Rede) também confirmou presença e ressaltou que o festejo é um “reconhecimento da história” da Bahia. A reportagem não conseguiu falar até o fechamento da matéria com os também pré-candidatos ao Palácio de Ondina, João Santana (MDB) e João Henrique (PRTB).

Presidenciáveis fazem pré-campanha no cortejo

Dois presidenciáveis anunciaram que vão participar dos festejos do Dois de Julho. São eles: Ciro Gomes (PDT) e Guilherme Boulos (PSOL). O evento servirá aos socialistas como uma espécie de lançamento oficial da chapa ao governo da Bahia, segundo o presidente do PSOL no estado, Fábio Nogueira.

“A ideia é que a gente faça um lançamento público [das candidaturas], com foco na rua, para apresentar Boulos e as nossas candidaturas na Bahia”, contou o socialista, ao ressaltar que também vai haver um espaço para atividades, em um lugar ainda a definir.

A chapa do PSOL será formada por Marcos Mendes como postulante ao Palácio de Ondina e Dona Mira – líder do Movimento dos Sem Teto – como vice. Fábio Nogueira será candidato à Câmara Alta do Congresso Nacional. Já Ciro Gomes ainda não sabe se vai cumprir agenda política na Bahia. Segundo o presidente do PDT no estado, o deputado federal Félix Mendonça Jr., é possível que algum encontro aconteça, mas ressaltou que ainda não há compromissos agendados. O presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) era cotado para vir à capital baiana, mas ainda não confirmou presença. A ex-ministra Marina Silva (Rede) também pode vir, mas sua participação deve ser confirmada apenas neste fim de semana.

 

Por Rodrigo Daniel Silva | Tribuna da Bahia
JIU JITSU FERNANDO MEIRA