Ministério da Saúde reduz intervalo entre doses de vacina da AstraZeneca

De acordo com o ministro Marcelo Queiroga, redução foi de 12 para 8 semanas

O intervalo entra a primeira e a segunda dose da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford foi reduzida de 12 semanas para 8 semanas. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (15) pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga através das suas redes sociais.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, mais de 103,7 milhões de brasileiros foram imunizados com as duas doses ou com vacina de dose única, enquanto 150,7 milhões tomaram ao menos a primeira dose.

Programa Estado Solidário