McGregor expressa interesse em luta com Charles e sugere que campeão ignore Gaethje

Louis Grasse/PxImages

Ao que parece, Conor McGregor está com fome de luta e disposto a tumultuar o peso-leve (70 kg) do UFC. Em sua última aparição no octógono, que aconteceu em julho, em Las Vegas (EUA), o astro irlandês perdeu para Dustin Poirier por nocaute, sofreu uma grave lesão na perna, se afastou do MMA e iniciou sua recuperação. Agora, ‘Notorious’ deseja recuperar o tempo sem atuar e está de olho em Charles Oliveira.

O campeão do peso-leve do UFC vai colocar o título da categoria em jogo pela segunda vez diante de Justin Gaethje, na edição de número 274, que acontece em maio, mas McGregor tem outros planos para ele. Presente no Bellator 275, evento realizado na última sexta-feira (25), na Irlanda, ‘Notorious’, em entrevista ao canal do ‘YouTube’ ‘SevereMMA’, expressou o interesse em uma luta contra ‘Do Bronx’. Não satisfeito, a estrela do MMA sugere que o dono do cinturão ignore ‘The Highlight’ para enfrentá-lo imediatamente.

Vale lembrar que McGregor, apesar de ser um dos maiores nomes da história do esporte, se encontra em má fase. O astro irlandês perdeu as duas últimas lutas que disputou e só venceu um combate pelo peso-leve do UFC. Contudo, ‘Notorious’ tem um trunfo importante na manga, já que, constantemente, o próprio Charles, campeão do peso-leve da companhia, manifesta o desejo de enfrentá-lo e o desafia de forma pública.

“Se Charles for inteligente, ele pode esperar mais um mês ou dois. Julho parece bom para mim. Não posso dizer muito cedo, mas em julho, se eu estiver treinando em abril, maio, junho, julho, eu poderia dar um tapa na cabeça da maioria desses caras no final de abril. Só quero competir. Sei que sou um dos melhores do mundo. Não tenho que provar isso. Sou isso, sou campeão duplo. Fui para um esporte diferente, voltei. Não tenho que provar isso. Sei disso. É só voltar, competir, me colocar em boas condições, lutar e me divertir, dando um show para os fãs. É isso. Não estou com pressa. Sem pressa. Sei que muitas pessoas estão me apoiando e quero deixá-las bem”, declarou o ex-campeão do UFC.

Conor McGregor, de 33 anos, é o principal nome do UFC. Dois anos após sua estreia na organização, o irlandês se transformou em um fenômeno do MMA e conquistou o cinturão do peso-pena (66 kg), em 2015, e do peso-leve, em 2016. Seus triunfos mais marcantes foram contra Chad Mendes, Donald Cerrone, Dustin Poirier, Eddie Alvarez, José Aldo, Max Holloway e Nate Diaz. Atualmente, o atleta ocupa a nona posição no ranking dos leves e possui um cartel composto por 22 vitórias, sendo 20 pela via rápida e 19 delas por nocaute, e seis derrotas.

Fonte: Ag. Fight

EU VÍI A EDUCAÇÃO GANHAR UM INVESTIMENTO RECORDE