CAMPANHA COMBATE AO MOSQUITO EDES AEGYPTI

Índice de produção industrial desacelera a 50,1 pontos, com falta de matéria-prima

A falta ou alto custo de matérias-primas estão entre os principais problemas para a queda de produção no setor, segundo sondagem industrial de junho

Homem usando máscara de proteção trabalha numa usina siderúrgica. 2/3/2020. China Daily via REUTERS China Daily/REUTERS

O índice de produção industrial desacelerou a 50,1 pontos em junho, mostrando sinais de queda do setor, segundo sondagem divulgada nesta sexta-feira (15) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Em maio, o índice estava em 53,6 pontos, sinalizando melhora na produção em comparação com abril, que registrou pontuação de 46,5.

O indicador varia de 0 a 100 pontos, com uma linha de corte de 50 pontos, valores acima indicam crescimento e abaixo queda.

A CNI destaca que o resultado da produção de junho permaneceu estável, beirando os 50 pontos. No entanto, o mês apresenta queda em relação à sondagem anterior em razão da falta de matérias-primas e dos altos custos, que são sentidos desde o início da pandemia

Entre outros problemas relatados pelos empresários estão as taxas de juros elevadas. Segundo a pesquisa, os membros do setor registraram maior insatisfação com o lucro operacional e maior dificuldade em obter crédito.

Por outro lado, na visão dos empresários houve um leve aumento da satisfação com a situação financeira.

Ao comparar junho de 2022 com o histórico do mês é possível observar uma melhora, pois a média é de 47,2 pontos, abaixo dos 50 pontos.

“Ou seja, ocorreu manutenção do ritmo de produção na passagem de maio para junho de 2022, embora usualmente se verifique queda no período”, apontou a pesquisa.

Fonte: CNN