UFC 213

Borrachinha nocauteia Hendricks no UFC 217 e desafia Derek Brunson

Brasileiro chega a 11 vitórias em 11 lutas e garante que será ‘próxima lenda brasileira’

Paulo Borrachinha nocauteia Johny Hendricks em NY e desafia Derek Brunson

O UFC 217, realizado neste sábado, em Nova York (EUA). rendeu grandes resultados para o Brasil no octógono. Depois de Ricardo Carcacinha abrir a noite com um nocaute antológico via cotovelada giratória, Paulo Borrachinha também cumpriu sua missão e nocauteou o ex-campeão Johny Hendricks no segundo round, ampliando seu cartel invicto e a expectativa que o cerca a respeito de seu futuro no evento.

Com sua postura agressiva, Borrachinha soube encurralar Hendricks e trabalhar com paciência. O brasileiro acertou os melhores golpes desde o início e foi minando a resistência do ex-campeão dos meio-médios. Jhony até que tentou se movimentar bem e fugir das investidas, mas o ímpeto de Borrachinha foi novamente duro e implacável. Após uma sequência de socos de Borrachinha, Hendricks caiu e o árbitro da luta interrompeu o duelo anunciando o nocaute técnico.

– Obrigado, Johny Hendricks, por ter mostrado coração e coragem por ter aceitado lutar comigo. Chegou a hora da nova geração, e serei a próxima lenda brasileira do UFC. E você, Derek Brunson, estou te esperando. Quero lutar com você – declarou o brasileiro, ainda no octógono.

Aos 26 anos, Borrachinha chega a 11 vitórias em 11 lutas, sendo dez delas por nocaute. Já Hendricks, acumula cinco derrotas nas últimas seis lutas.

 

Fonte: Combate

Veja também