Prefeito de Catu e de Tanhaçu declaram apoio à pré-candidatura de Jerônimo Rodrigues

A cada semana diversas lideranças estão aderindo ao projeto de Jerônimo, pré-candidato ao governo da Bahia

A adesão de prefeitos e prefeitas de partidos que estão fora da base do governador Rui Costa (PT) à pré-candidatura de Jerônimo Rodrigues (PT) ao governo do Estado continua após mais dos gestores municipais declararem apoio ao pré-candidato.

O prefeito de Catu, Pequeno Sales, do PTB, viajou a Salvador, na segunda-feira (23), para declarar seu apoio a Jerônimo e a Geraldo Júnior (MDB), pré-candidato a vice-governador. Pequeno Sales administra o município do Litoral Norte e Agreste Baiano.

Outra adesão foi a do prefeito de Tanhaçu, João Francisco, do Progressistas. O gestor tanhaçuense também esteve com Jerônimo em encontro que selou a aliança para as eleições deste ano.

Na última sexta (20), o governador Rui Costa (PT) criticou a investida de empresários do ramo de coleta de lixo, ligados ao ex-prefeito e pré-candidato ao governo da Bahia, na tentativa de convencer os gestores a deixar a sua base e declarar apoio ao seu adversário.

“É esquisito ver empresários do lixo, visitando as cidades, tentando convencer prefeitos com argumentos que, às vezes, nos parece estranho pelo que a gente fica sabendo. Parece muito mais uma articulação de negócios, do que articulação para cuidar do povo. Isso sim que é estranho”, condenou o governador.