“Não vai impactar em nada”, diz ACM Neto sobre demora para escolha de vice

Foto: Divulgação

O ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (UB), segue sem pressa para anunciar o nome que será seu vice nas eleições de outubro. Nesta quinta-feira (2), na sua passagem pela Bahia Farm Show, em Luís Eduardo Magalhães, Neto disse que não acredita que a demora para a escolha cause algum impacto na sua campanha.

“Não vai impactar em nada. Poderia impactar se eu tivesse com dificuldade de achar algum nome. Se eu não tivesse nomes de opção, aí sim impactaria. Como graças a Deus o problema é outro, é ter muitas opções, muitos nomes, todos bastante qualificados, todos bastante gabaritados para ocupar essa posição. Então, é um problema bom que claro eu vou ter que resolver. Não tenho estabelecido data para isso. Meu prazo é a convenção, de 20 de julho a 5 de agosto. Desse prazo eu não devo passar, pode ser que aconteça antes”, disse Neto, que ressaltou que o assunto será tratado na hora certa.

“Nós vamos, na hora certa, retomar as conversas com os partidos. Eu desde o dia 2 de abril não tenho tratado desse assunto, já já vou retomar. Com tranquilidade vamos buscar um nome que seja produto de uma agregação política desse conjunto de partidos que nos apoiam e também um nome que tenha condições de nos ajudar futuramente a governar a Bahia”, afirmou.

Atualmente, o Republicanos é visto como o partido com mais chances de emplacar o nome no posto de vice de Neto. Dentro da legenda, os deputados federais Márcio Marinho e Marcelo Nilo, além da vereadora de Serrinha, Edylene Ferreira, são os nomes mais cotados. O PDT também corre por fora.