Médico de 43 anos morre após ser infectado pela Covid-19 no sudoeste da BA: ‘Sacrifício não será esquecido’, diz secretário

Nas redes sociais, Fábio Vilas-Boas lamentou a morte de Ramon Barbosa, que segundo ele, trabalhava na linha de frente da sala de emergência do Hospital Prado Valadares, em Jequié.

Um médico de 43 anos morreu neste domingo (10) após ser diagnosticado com a Covid-19, na cidade de Jequié, no sudoeste da Bahia. A informação foi divulgada pelo secretário de saúde Fábio Vilas-Boas.

Nas redes sociais, Fábio Vilas-Boas lamentou a morte de Ramon Barbosa, que segundo ele, trabalhava na linha de frente da sala de emergência do Hospital Prado Valadares, em Jequié.

“É com grande pesar que recebi a notícia do falecimento do colega Ramon Barbosa, de 43 anos, que trabalhava na linha de frente da sala de emergência do Hospital Prado Valadares, em Jequié, vítima da COVID-19. Seu sacrifício não será esquecido”, lamentou o secretário.

Até a noite deste domingo, a Bahia já registrava mais de 5.500 casos e ultrapassou mais de 200 mortes, segundo o boletim da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

Fonte: G1

Programa Estado Solidário