Bolsonaro assina decreto criando novo nível de promoção na Força Aérea

Presidente também reduziu tempo necessário para que cabos sejam promovidos

A Força Aérea Brasileira (FAB) passará a contar com um novo nível de promoção. A decisão foi do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por meio de decreto assinado na quarta-feira (1º). Agora, haverá o cargo de segundo sargento do Quadro Especial de Sargentos da Aeronáutica.

Bolsonaro também decidiu reduzir de 20 para 15 anos o período necessário para que um cabo possa ser promovido. Segundo informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, representantes da Aeronáutica têm brigado há cerca de 10 anos pela pauta, sob argumento de que a posição já existe no Exército e na Marinha.

Com o novo decreto, cerca de 1.400 membros do QESA poderão receber promoção e acréscimo na remuneração. Em nota, a FAB informou que o impacto financeiro da medida será compensado “pela redução dos efetivos das graduações de cabo e de soldado”.