Bahia recebe o Cuiabá em confronto direto contra o rebaixamento

Tricolor entra na zona do perigo faltando cinco rodadas para o fim da competição; Gilberto não enfrenta o Cuiabá

Sem tempo para lamentações no Brasileirão, o Bahia luta para sair da zona de rebaixamento e, neste domingo (21), tem mais um confronto direto na busca pelo objetivo. A partir das 19h, o time recebe o Cuiabá, na Arena Fonte Nova, pela 34ª rodada da Série A.

O Esquadrão inicia a rodada na 17ª colocação, a três pontos do Atlético Goianiense, primeiro time fora do Z4. Por isso, os comandados do técnico Guto Ferreira sabem que precisam vencer para ter chance de respirar na tabela de classificação. Já o time do Centro-Oeste tem 42 pontos, mas ainda não livrou o risco de queda. 

Por sinal, a partida contra o Cuiabá abre a sequência dos últimos seis jogos que o Bahia tem até o final do Campeonato Brasileiro. Destes, quatro vão ser disputados na Fonte Nova. É a força de casa que o clube quer mostrar para se garantir na primeira divisão. Na última partida na Fonte, pouco mais de 18 mil torcedores empurraram o time na vitória de 1×0 sobre o São Paulo. 

“Nós vamos ter que trabalhar em cima do que a gente já tem trabalhado com eles (jogadores). Recuperar o máximo. E fazer com que eles possam entrar com muita intensidade, entrega, e contar com ajuda do nosso torcedor, empurrando a nossa equipe, fazendo a diferença, para que a gente possa colher esse triunfo tão importante para nós”, disse Guto Ferreira.

Desde que chegou ao Bahia, Guto deu outra cara ao time. Mais competitivo, o tricolor ficou sete jogos sem perder e deu sinais de recuperação na competição. Agora, porém, o treinador vive o outro lado da moeda, já que a equipe perdeu os dois últimos jogos (Flamengo 3×0 e Sport 1×0). Apesar do momento de instabilidade, ele garante que a equipe vai lutar até o fim. 

“Esse ano mesmo, quando tudo parecia perdido, na Copa do Nordeste, o Bahia virou. Temos que seguir acreditando. Para o Bahia, nunca foi fácil. Sempre foram situações assim. Dessa vez, não está sendo diferente. Cabe a gente acreditar, mobilizar o máximo possível, para que possa colher o resultado no domingo”, completou o treinador.

Problema
Guto tem problema para montar o time titular diante do Cuiabá. Vice-artilheiro do Brasileirão, com 12 gols marcados, Gilberto recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso. Assim, o colombiano Hugo Rodallega vai ter a missão de ser a referência do ataque. 

Por outro lado, o time tem o retorno do lateral Matheus Bahia e do atacante Rossi, que cumpriram suspensão na rodada anterior. Matheus reassume o posto na lateral esquerda e Juninho Capixaba voltará a ser deslocado para o ataque, na ponta. Já Rossi deve ficar como opção no banco, mas não será surpresa se ele aparecer entre os titulares. Nesse caso, Raí Nascimento é quem corre risco de perder a posição.

A equipe de Mato Grosso também tem problemas. Emprestado pelo Bahia, o atacante Clayson não pode entrar em campo por conta de uma cláusula contratual. De qualquer forma, ele recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso. Outro titular, o volante Auremir se recupera de uma lesão no joelho e dificilmente terá condições de entrar em campo. 

Por sinal, a partida deste domingo será a primeira entre Bahia e Cuiabá na Fonte Nova e o segundo encontro entre as equipes na história. Fundado em 2001, o time verde e amarelo é estreante na Série A. No primeiro turno, o duelo terminou empatado por 1×1. Agora, o tricolor precisa derrotar o adversário para manter firme a chance de permanência na elite do Brasileirão.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Programa Estado Solidário